quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Pela LIBERDADE, Sempre !..

"A Origem do Mundo"

[Este quadro pertence a um pintor chamado Gustave Courbet (1819-1877) que se encontra no Musée d’Orsay ]
Decidida e manifestamente, sou contra esta imbecilidade que faz lembrar alguma reminiscência censória de outros tempos …
E como cidadão, tenho que estar atento com o que (trans)parece , ou seja :
- com a celeridade com que se decide/julga a moralidade, em contraponto com a manifesta morosidade em decidir/julgar os direitos e as liberdades fundamentais ...
Pela LIBERDADE, Sempre !..

2 comentários:

Anónimo disse...

De facto, e nestes tempos que correm, estamos a trilhar caminhos que não devem deixar de preocupar.
É a prepotência da sinistra Conceição Moreira da DREN, são as recomendações (escritas)do IPAR, são as buscas da PSP aos sindicatos no sentido identificar grevistas, é a Juiza de T.Vedras, é a PSP de Braga, etc, etc, etc; começam a ser coincidências a mais, são alguns sinais para que não deixemos de ficar preocupados.
Oxalá e só, seja o que nos querem fazer crer os "opinadores" de serviço : só "fumaça" !!!

AVCarvalho disse...

Transparece de significativo deste rocambolesco (e muito sintomático) episódio:
-- a subliminar mentalidade censória herdada do fascismo, pronta a vir ao de cima à primeira oportunidade;
-- o pressuroso zelo do funcionário (polícia?) em executar essa acção, porventura a mando ou por ‘recomendação impositiva’ de algum cacique/moralista local (está fora de causa, a meu ver, interferências de fora, parece-me absurdo);
-- a grande publicidade dada ao caso pelas televisões, promovendo livro e pintura, demonstrando aos censores quão contraproducente foi, do seu ponto de vista, o cometimento de tal proeza.
Não sei é se lhes fica de lição. Duvido.