terça-feira, 15 de junho de 2010

Uma questão de "crença" ...


Depois de ter empatado a 0-0, o treinador da Selecção do BES, um dos mais bem pagos do Mundo, acusou a Costa do Marfim de ter uma postura demasiado defensiva.
«É sempre assim quando de um lado está uma equipa com vontade de ganhar e outra interessada em defender. Frente a uma equipa completamente fechada atrás da linha da bola, as coisas ficam um pouco mais difíceis»
O que (nos) dirá, a criatura, depois de jogar com a Selecção da Coreia do Norte ?..

1 comentário:

AVCarvalho disse...

Agora que acabou a 'novela' dos '4 fugitivos da Coreia do Norte', frustrada a expectativa da desmoralização da equipa adversária, mais se acentua o espectro de Saltillo, adensa-se o «mistério-das-convulsões-mal-explicadas-no-seio-da-equipa-do-sr.Queiroz» (com z, como o Eça!).
Aguardemos para ver.