terça-feira, 12 de maio de 2009

O cheirinho …

Acho que, ao longo da nossa vida, temos que estar sempre disponíveis para aprender, assim como, e sempre que possível, predispostos para a (com)partilha do nosso conhecimento; sempre …
Ora, fazia-me uma espécie que, aqui e onde estou, nos USA e em casa do meu Amigo Manuel, em todas as casas de banho, e são para ai umas cinco ou seis, em todas elas, houvesse caixas de fósforos em cima dos respectivos autoclismos…
Aquilo, dos fósforos, fazia-me uma confusão; ora, se o Manuel e a Sara não fumavam, para que raio seriam necessárias as caixas de fósforos em todas e cada uma das casas de banho ?...
Foi, então, e sem ter a necessidade de perguntar para que serviam que, (in)voluntariamente, percebi da razão de ser das caixas de fósforo nas casas de banho.
Depois de, e para uma necessidade fisiológica, ter utilizado a sanita que me está destinada, puxado o respectivo autoclismo, eis que, ainda assim, ficou no ar um “perfume” daqueles que, sinceramente, não é muito recomendável; ao sair da casa de banho, e estando o Manuel a passar no respectivo corredor, este, apercebendo-se do meu embaraço, dispara :
- Provavelmente, devem ter estranhado o facto de ter fósforos na casa de banho.
Ora servem para isto, para disfarçar este “cheirinho”; e, acende um fósforo que apaga logo de seguida …
E, não é que a coisa resulta; que resulta mesmo …
Portanto, a partir de agora, e chegado a Portugal, não mais haverá lugar à utilização de sofisticados artifícios para o disfarce de cheiros inconvenientes, dado que um simples fósforo pode eficazmente resolver o problema de um cheirinho …
Funciona mesmo; acreditem ...

2 comentários:

AVCarvalho disse...

Ora aí está uma dica útil, higiénica, económica e, penso, ecológica! Se resulta, porque não adoptá-la?
Se todos os dias houver uma dica destas, compartilhada por quem tiver a 'sorte' de vir por aqui 'espiolhar'... já valeu bem a viagem ao outro lado do Atlântico. Até para os que a não fizeram... desde que por aqui apareçam!
Um abraço.

maragitado disse...

Bom, vê-se logo que não lê revistas ditas "cor-de-rosa", muito menos o livro da Carolina Salgado, que, por acaso também não li, mas vi o que acerca dele foi dito, como, por exemplo, o facto de ela andar sempre munida de uma caixa de fósforos por causa da flatulência do PC :-)