terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Zeca Afonso, Sempre !!!

A 23 de Fevereiro de 1987, em pleno Inverno mas no Outono da vida, morreu Zeca Afonso.
Num leito anónimo do Hospital de Setúbal, pelas 3 horas da madrugada, morreu o cantor, morreu o amigo, morreu o companheiro, morreu o Zeca.
Relembrar o Zeca hoje é mais que tudo isto. É, sobretudo, lembrar as suas últimas palavras: "Não posso parar".

Por isso empunhamos a tua bandeira porque a luta continua, serena e firme, contigo bem vivo junto de nós, Zeca Afonso.
Veja aqui o vídeo “Tributo a Zeca Afonso”:

1 comentário:

AVCarvalho disse...

Perante a dimensão ímpar do 'amigo, maior que o pensamento'- da música à coerência política - só resta mesmo e sempre reafirmar a honra de termos sido seus contemporâneos e a gratidão pela herança que nos legou, para fruição de todos:
Obrigado, Zeca!