quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Robert Enke...

Robert Enke (1977-2009) suicidou-se ontem, aos 32 anos.
Em 1999, Robert Enke chegou ao Benfica.
Jovem, muito jovem mas já um guarda-redes consagrado.
Mas, e à partida, com um problema :
o de fazer “esquecer” um dos melhores guarda-redes do Mundo, Michel Preud´homme.
O Benfica tinha, então, e durante os três anos em que se manteve no Clube – lembro-me bem; infelizmente muito bem - uma equipa de qualidade mais que duvidosa.
Robert Enke, graças ao seu grande profissionalismo, lá conseguia – sozinho, e por vezes – colmatar as fragilidades da Equipa.
Não esqueço que foi deselegante para com o (meu) Benfica.
Quando saiu para o Barcelona, declarou que “precisava de jogar numa grande equipa para chegar à Selecção da Alemanha”.
Robert Enke, aos 32 anos, encontrava-se na fase de maturidade dos guarda-redes.
E, prematuramente, decidiu partir.
Deixando de jogar e, acima de tudo, de viver.
Uma tragédia pessoal que, e na circunstancia ocorrida, não tem qualquer defesa.
Enke, até sempre !..

2 comentários:

jose disse...

Para mim meu amigo de sempre e Benfiquista estou estarrecido com a noticia,um jovem com um ano a mais de que o meu filho,e sendo um depressivo imagina como estou a sentir um abraço e cumprimentos do amigo de sempre Gustavo

Carlos Borges Sousa disse...

Aquele abraço, com muita Amizade,
CBS